Manipulação de comportamento do usuário pelo controle de dados na internet

Ao acessar a internet, o usuário  fica exposto a manipulação por meio de seus próprios interesses e buscas realizadas por tal duto de comunicação e informação à medida que torna implacável sua própria busca por seus desejos, mais e mais.

Kierkegaard em sua obra, Trabalhos de Amor, já dizia: “Todo homem tem em si o traidor mais perigoso”, onde de maneira clara seguindo este raciocínio, o próprio homem se torna propenso a cair em armadilhas pelo fato de confiar em si mesmo e em seus próprios desejos ao invés de confrontar a si mesmo.

O declínio do homem aos seus próprios desejos e sua mente em estado de Fugele Urbem (Fuga da Realidade), o torna prepotente e manipulável por achar que tudo é muito fácil, metas que podem ser facilmente alcançadas sem esforços, onde o usuário se deixa levar pelo caminho mais fácil tornando-se a massa de manobra perfeita, no mais, um cavalo de Troia seria demasiadamente fatal para uma mente desmedida.

Em vista de todos os fatos apresentados, além da necessidade de informação, os usuários devem buscar mais conhecimento sobre si mesmos, fortalecer pontos fracos, pois em uma máxima do filósofo Friedrich Nietzsche em sua obra, O Anticristo, ele relata “O que é mal ? Tudo que vem da fraqueza”, ademais buscar entender mais sobre onde navegam para evitar armadilhas ideológicas de manipulação de massa

                                 Hikaru Souza é aluno do 3º ano do Ensino Médio
                                       Colégio Adventista de Padre Miguel

3 comentários sobre “Manipulação de comportamento do usuário pelo controle de dados na internet

  1. Com satisfação, recebo esse presente! Você Hikaru, e não se contentando em ser meu filho, segue uma trajetória de sucesso em tudo! Parabéns filho, mamãe te ama! Te admira!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *