6º ANO: CORREÇÃO DAS ATIVIDADES DO CAPÍTULO 3 – MESOPOTÂMIA

PÁGINA 44:

  1. SEQUÊNCIA CORRETA DAS RESPOSTAS: F, F, V, F, V, V.
  2. Resposta pessoal. Lembre-se que a Mesopotâmia era uma sociedade patriarcal, ou seja, o homem era considerado superior à mulher. Na atualidade, devemos ter em mente a ideia de igualdade de todos, devendo tanto homens como mulheres terem os mesmos direitos e possibilidades de trabalho, estudo e oportunidades.

PÁGINA 48:

3. Com o poder que lhes pertencia, os reis estabeleciam o pagamento de tributos e ordenavam o trabalho da população livre, em certas épocas do ano, em prol da realização de obras monumentais. Além disso, tinham a seu favor o poder exercido pelos sacerdotes, já que a religião era muito presente no cotidiano.

4. a) Mesopotâmia ///b) petróleo ///c) agricultura ///d) irrigação ///e) sumérios/// f) Hamurábi ///g) assírios ///h) Nabucodonosor.

 

PÁGINAs 51 a 56:

5. C

6. Resposta pessoal. Leve em consideração a importância das leis existentes, bem como toda a política envolvida em sua elaboração. As leis existem para certo controle da sociedade pois, se não existissem leis, não haveria a possibilidade de pessoas que cometem erros sejam punidas.

7. Essa região serviu de ponte entre o Oriente e o Ocidente: muitos comerciantes europeus e orientais cruzavam essa área para realizar seus negócios. Vários povos e impérios marcaram sua história, disputando principalmente as áreas férteis, próximas aos rios. Hoje, por outros motivos, a região ainda é alvo do interesse mundial. Proprietária de um dos recursos naturais mais importantes para o homem atual (o petróleo), tem atraído a atenção do mundo, que ainda depende dessa fonte de energia.

8. A despeito da forte religiosidade caracterizada, o foco de suas atividades sagradas estava no presente. Acreditavam na vida após a morte, porém, não entendiam que esta seria uma espécie de extensão da vida presente. Não haveria recompensas ou punições. De maneira geral, todos os mortos teriam destino semelhante.

DEFENDA SUAS IDEIAS.

  1. Respostas pessoais.
  2. Resposta pessoal.

O QUE VOCÊ VÊ – PÁGINA 54

a) Os especialistas costumam identificar o rei de Ur por meio de seu tamanho maior, que pode representar poder. Outras possibilidades podem ser a posição e a roupa diferenciadas.

b) Na primeira linha, podem ser identificadas cenas de guerra, com carros puxados por animais atacando pessoas inimigas. Acima, os prisioneiros de guerra são levados por soldados, que parecem vestir peados mantos e elmos amarrados sobre o queixo. Suas lanças, na horizontal, ameaçam os prisioneiros. Por fim, na figura de cima, prisioneiros são levados diante do rei de Ur.

c) Em duas linhas, podem ser identificadas pessoas levando produtos e diferentes animais. Provavelmente, estão sendo levados tributos ao palácio real. Acima, pode ser visto o rei, diante dos músicos e da Corte. Pode-se deduzir isso pela veste e pela posição das pessoas. Ao que parece, elas participam de um banquete.

d) Pelas imagens, verifica-se principalmente o poder do rei na sociedade, centralizando as atividades. Além disso, destacam-se o papel da guerra, da escravidão e do peso dos tributos, que sustentavam a riqueza palaciana. Tal riqueza pode ser vista pelas pessoas que eram mantidas no palácio. Havia também músicos diante do rei.

TEXTO COMPLEMENTAR – PÁGINA 55 E 56

  1. O rei da Babilônia, Hamurábi.
  2. Resposta pessoal.
  3. O Código de Hamurábi é um bloco de pedra com mais de 2 metros de altura, contendo introdução, 282 artigos com 3.600 linhas e epílogo. Foi encontrado por arqueólogos em 1902, ou seja, há mais de cem anos.
  4. Resposta pessoal.
  5. Resposta pessoal.
  6. Resposta pessoal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *