Aulas do 9º ano – 3º Bimestre

Esse Bimestre foi o Top… Estudamos as reações químicas de Adição (Síntese), decomposição (Análise), Simples troca (deslocamento) e dupla troca (permutação), A união dos átomos e as funções químicas de Ácidos, Bases, óxidos e sais e também as fontes de energia, foi muito assunto, mais foi muito bom. Abaixo segue algumas imagens da aula prática de identificação de ácidos e bases com repolho roxo e dos cartazes sobre as fontes de energia:

     

Veja as fotos dos experimentos do ano passado:

Aula com Experimento – 9º ano

O pH da Água II – 9º ano

 

Essa questão do pH da água é bem polêmica, á estudiosos que afirmam que o pH mais apropriado para a água de consumo é um leve pH alcalino, mas outros estudiosos afirmam que não importa o pH da água porque o nosso corpo tem mecanismos reguladores que equilibram o pH do sangue e que o pH da água não o altera. É muito confuso tudo isso, mas e você? O que você acha sobre isso? qual a sua opinião? E quanto a poluição dos lagos, mares rios e oceanos? Como fica o pH de águas poluídas ou contaminadas?

Crie um argumento concordando ou discordando do tema acima nos comentários!

 

PANC’s – Plantas alimentícias não convencionais – 6º ano

iii_jornada_kbecaorg

      As Plantas alimentícias não-convencionais são aquelas com distribuição limitada, restritas a determinadas localidades ou regiões, exercendo grande influência na alimentação e na cultura de populações tradicionais. Além disso, são espécies que não estão organizadas enquanto cadeia produtiva propriamente dita, diferentemente das plantas convencionais (batata, tomate, repolho, alface, etc…), não despertando o interesse comercial por parte de empresas de sementes, fertilizantes ou agroquímicos e consequentemente não chegam ao conhecimento do mercado consumidor.

      O resgate e a valorização das PANCs representam ganhos importantes do ponto de vista cultural, econômico, social, nutricional e de equilíbrio ecológico. Trata-se de uma questão de segurança e de soberania alimentar e estimular a produção e o consumo das PANCs, em vista de suas características nutracêuticas e da  rusticidade no cultivo.

Assista ao vídeo e responda as questões abaixo nos comentários:

1- Em sua opinião, o que são PANC’s?

2- Cite o nome de uma planta alimentícia não-convencional que você já tenha comido:

3- Visite o arquivo e observe as fotos das PANC’s e diga o nome de uma PANC que você já tenha visto em seu quintal: https://www.ufrgs.br/viveiroscomunitarios/wp-content/uploads/2015/11/Cartilha-15.11-online.pdf

 

Reprodução Humana: Reunindo conhecimentos prévios – 8º ano

9480_zoom

Galera é o seguinte… Aqui em baixo tem 4 atividades virtuais para você resolver, o objetivo é você aprender previamente o assunto. Após resolver essas atividades diga nos comentários, uma dúvida ou  uma pergunta… e diga qual o jogo que você mais gostou ou Diga  qual foi a parte você achou mais difícil…!

http://www.cmcmc.pt/CN/CN6/16_S_REP/PROG_A/04_ORG_REP_FEM_LEG_2=CM/at_inicio=cm.asp

http://www.cmcmc.pt/CN/CN6/16_S_REP/PROG_A/05_ORG_REP_MASC_LEG_1=CM/at_inicio=cm.asp

http://www.cmcmc.pt/CN/CN6/16_S_REP/PROG_A/06_PLACENTA_LEG=CM/at_inicio=cm.asp

http://www.unimed.coop.br/portalunimed/testes/adolescencia/quiz_adolescencia.swf

 

Bichos que Brilham – 7º ano

 

criatura-de-luz1

A palavra bioluminescência é híbrida e vem do latim e do grego. Bios, do grego, significa vida, enquanto lumen, do latim, significa luz. Na prática, bioluminescência refere-se à produção e emissão de luz por parte de um organismo vivo, sendo uma ocorrência natural de quimioluminescência. Acredita-se que, segundo estudos, 90% da vida abissal produz de alguma forma a bioluminescência, sendo que a maioria da emissão de luz desses seres é de espectro azul ou verde, que são mais facilmente transmitidas pela água do mar. Algumas espécies de animais, no entanto, emitem luzes vermelhas e infravermelha, ou ainda amarela.

Veja alguns seres capazes de produzir luz no vídeo abaixo:

Responda as seguintes questões nos comentários:

1- O que é bioluminescência? O que é florescência?

2-O que significa  “Vida Abissal”, quem são os seres considerados abissais?

4- Cite um animal capaz de produzir bioluminescência e florescência:

O solo e a saúde humana – 6º ano

tumblr_n77167hajh1qb8hnvo1_500
Cuidado com o pé descalço minha gente!

 

Algumas doenças podem ser transmitidas aos seres humanos por meio do contato com solo contaminado por agentes patológicos. Confira algumas doenças transmitidas pelo solo:

Bicho geográfico – Essa doença é transmitida por fezes de gatos e cães que podem estar presentes no solo. A doença é bastante comum em países em desenvolvimento, com clima tropical. É comum que o agente transmissor da doença esteja presente na areia de praias e tanques em parques e praças. Os sintomas são: inchaço, coceira e vermelhidão. O tratamento é feito com pomadas e vermífugos.

Lombriga – A doença é causada pelo agente transmissor Ascaris lumbricoides, que pode ser encontrado no solo. Os sintomas da doença são: dor de barriga, diarreia e náuseas. O tratamento é feito com remédios via oral. Lavar bem as mãos e os alimentos é uma forma de evitar o problema.

Amarelão – Essa doença é causada pela penetração de uma larva na pele humana. Os sintomas são: anemia, infecções pulmonares e fezes com sangue. O tratamento é feito com vermífugos.

Verminoses – O solo tem larvas de vermes que podem prejudicar a saúde humana. As verminoses mais comuns são: teníase, oxiuríase ou enterobíase. O tratamento é feito com vermífugos.

Tétano – O bacilo tetânico, microorganismo que provoca o tétano, pode ser encontrado no solo. Para prevenir a doença, o ideal é não andar sem calçados e tomar a vacina antitetânica.

Fonte: http://www.grupoescolar.com/pesquisa/doencas-transmitidas-pelo-solo.html
Após ler esse texto, responda lá nos comentários:
a) Porque o solo fica contaminado? quem contamina ele?
b) O que devemos fazer para evitar contrair essas doenças?
c) Você já teve alguma dessas doenças?